Archive for the atos Category

Dia das Crianças sem compras em Limeira

Posted in atos on 5 de outubro de 2010 by Coletivo Anarquista de Piracicaba e Região

Anúncios

Quarta Passeata contra o Rodeio de Limeira

Posted in atos on 22 de agosto de 2010 by Coletivo Anarquista de Piracicaba e Região


Carta de repúdio ao deputado Feliciano Filho e ao candidato Vicente Carvalho

Posted in atos, textos on 17 de agosto de 2010 by Coletivo Anarquista de Piracicaba e Região

Nós, manifestantes da quarta passeata contra o rodeio em Piracicaba/SP, realizada neste sábado, dia 07 de agosto de 2010, declaramos através desta nosso repúdio ao oportunismo do deputado estadual Feliciano Filho e do candidato a deputado federal Vicente Carvalho, ambos do Partido Verde (PV) de Campinas.

Os políticos e seu comitê compareceram ao início da passeata junto com sua equipe televisiva pedindo entrevista aos manifestantes, filmando os primeiros minutos da passeata e entregando jornais de sua campanha política.

A passeata tem caráter apartidário e objetiva conscientizar a população a respeito da exploração animal. Servir de comício para quaisquer indivíduos ou partidos, mesmo que eles sejam “protetores dos animais”, não faz parte do ato. A passeata não apoia nenhum candidato, seja ele do partido verde, azul, vermelho, preto ou de qualquer cor. Enxergamos a atitude dos políticos como um enorme desrespeito aos motivos pelos quais nos reunimos e a entendemos como uma tentativa de se aproveitarem de nossos esforços em seu benefício próprio.

Logo após atingirem sua meta, os políticos e sua equipe sumiram sem explicações ou despedidas, fato que agravou o comportamento demonstrado anteriormente e evidenciou sua intenção não de participar do movimento, mas sim de parasitá-lo para seus interesses eleitoreiros. Desta forma, aparecendo por menos de 10 minutos em uma passeata que durou duas horas e meia, os candidatos passaram a imagem de estarem engajados em algo em que na realidade não estavam. Eles usaram nossa imagem para se auto-promoverem, e por isso não autorizamos a divulgação nem o uso da mesma em seu programa, site ou qualquer outro tipo de mídia.

As passeatas contra o rodeio organizadas tanto em Piracicaba como em Limeira, Americana ou outras cidades da região são espontâneas e horizontais, nunca houve e nem haverá um líder. Qualquer pessoa que se identificar com a causa, inclusive os próprios candidatos, pode comparecer, mas como indivíduo e não para obter benefícios com o ato. Todavia, ficou mais do que claro que os políticos compareceram à manifestação apenas para pedir votos e usar os manifestantes como massa de manobra para sua campanha, tratando a passeata em si mesma com desprezo.

Com o ocorrido, consideramos mais do que provado que a exploração animal deve ser combatida por nós mesmos, com o vegetarianismo, as passeatas, as panfletagens, o boicote a produtos testados em animais, não utilizando couro etc., e não acreditando na suposta boa vontade de políticos que afirmam lutar em nosso nome mas que, na verdade, não agem de maneira alguma diferente do restante. Não fazemos parte de seu circo eleitoral.

Manifestantes da quarta passeata contra o rodeio em Piracicaba/SP

Relato sobre a passeata contra o rodeio de Piracicaba/SP

Posted in atos on 9 de agosto de 2010 by Coletivo Anarquista de Piracicaba e Região

Entre 50 e 60 pessoas participaram da passeata. Começamos a nos agrupar às 13h00 na praça José Bonifácio e saímos às 14h30. Apareceu gente de Campinas, Nova Odessa e Sorocaba, mas dessxs, apenas uma pessoa de Nova Odessa participou. A maior parte era mesmo de Piracicaba.

Antes de sairmos pelas lojas patrocinadoras, um candidato a deputado estadual por Campinas, Feliciano, do Partido Verde, começou a fazer campanha política, distribuindo jornais e filmando o evento. Imediatamente iniciamos uma panfletagem pró-voto nulo como contraposição. No meio da passeata, verificamos que o candidato não se encontrava entre @s manifestantes. Uma breve fala acusou este fato pr@s participantes da passeata e levantou a questão do voto nulo. Novamente, ao final da passeata, realizamos uma fala semelhante. Ambas foram recebidas bastante positivamente.

A passeata foi seguida por carros e motocicletas da polícia militar, por 5 seguranças aparentemente contratados pelas lojas patrocinadoras e por uma pessoa que mais tarde concluímos ser um agente infiltrado fazendo perguntas e filmando. Em um momento, alguns dos seguranças começaram a gritar com um manifestante que os ridicularizava, mas não ofereceram mais problemas. A polícia, todavia, depois de passados aproximadamente 75 % do tempo de duração total da passeata, quando nos encontrávamos na av. Armando Salles, nos exigiu a escolha de um representante para lhe informar sobre o trajeto e a duração da passeata. Após nossa resistência, o policial escolheu um manifestante como porta-voz e nos levou a uma reunião forçada na praça do terminal, após a qual a passeata seguiu sem mais problemas.

Concluímos positivamente que, por base nesses incidentes, a passeata está sendo cada vez mais vista como uma ameaça pelos exploradores.

4ª Passeata contra o Rodeio de Piracicaba

Posted in atos on 10 de julho de 2010 by Coletivo Anarquista de Piracicaba e Região

No dia 7 de agosto de 2010, ativistas pró-libertação animal se encontrarão na praça José Bonifácio, no centro de Piracicaba, às 13h00, para uma manifestação contra este espetáculo de tortura. Haverá também batucada e panfletagem. Traga cartazes, instrumentos, informativos e sua voz contra a exploração animal.

Expressões Anarquistas na Praça – Campinas

Posted in atos on 5 de julho de 2010 by Coletivo Anarquista de Piracicaba e Região

Vai rolar uma atividade anarquista na praça ao lado do terminal central em Campinas (saída para r: Alvares Machado).

Tragam poesias, textos, livros, músicas (haverá som no local, levem seus mp3 favoritos em pendrive) e tudo o mais, compareça.

Em dois dias: 10 e 31 de julho!

Abraços, saúde e anarquia para todxs! Nos vemos nas ruas!

Relato sobre a Passeata contra o Rodeio em Americana/SP

Posted in atos on 5 de junho de 2010 by Coletivo Anarquista de Piracicaba e Região

No dia 29 de maio de 2010 o CAPRE (Coletivo Anarquista de Piracicaba e Região) organizou uma passeata contra os maus-tratos aos animais nos rodeios em Americana/SP, sendo a terceira passeata sobre o assunto que ocorre na cidade.

Foram 14 pessoas, de várias cidades: Americana, Piracicaba, Limeira e Rio Claro. Estávamos com quase 900 panfletos (todos entregues), batuques, apitos e duas faixas, andando pelo centro da cidade. Fomos até o terminal urbano panfletar, onde várias pessoas (peões e afins) nos ofenderam, mas em geral a recepção na cidade foi boa.

Após a passeata espontaneamente cada um falou sobre a sua visão do rodeio, sendo que todos concordavam não ter nada contra o show, mas sim contra o uso de animais no evento.